Páginas

sábado, 11 de junho de 2011

Demorei, mas percebi!

Já estava dentro daquele carro há mais de duas horas, e quem eram aqueles estranhos conhecidos? Eu já não fazia a minima ideia!
Estava lá no lugar que eu tanto desejei... mas na verdade não conseguia sentir a elegria que imaginei, passava por lugares desconhecidos e tão amigos me sentia em casa mesmo estando tão longe.
A cada minuto que passava você ficava mais distante, via meus sonhos ficando pra trás, mais já não tinha mais como voltar,já era muito tarde pra desistir.
Conforme a noite chegava e o dia se acabava lembrava de você e na verdade não conseguia saber o porque, se você era aquela pessoa que eu odiava, aquela pessoa que eu não podia ficar perto por um unico segundo, não conseguia compeender o motivo de não te tirar da minha cabeça, você simplesmente estava lá a cada centimetro, cada metro, cada quilômetro percorrido. Estava mais presente do que aqueles estranhos amigos ao meu lado.
Enquanto ouvia musicas de amor pensava na pessoa que eu odiava e na metade do caminho já não sabia mais qual era a direção certa a seguir, ir em frente ou voltar prara casa? Eu queria poder seguir em frente mas algo me prendia a você e nesse meio tempo tive a certeza que eu tentava esconder, esconder de todos, até de mim e de você,esconder que te amo, o cara mais errado que já passou pela minha vida, o que mais me aborrecia, aquele que me ouvia falar falar e falar e nunca se cansava, mas sempre dizia 'eu te odeio' , e eu sempre acreditava!
Na verdade eu sempre soube que te amava mas imaginava que você realmente me odiava eu fugia e tentava esconder mais de repente ficou tão dificil negar pra mim e pra você. Afinal você era tudo o que eu queria! E era tão complicado gostar de você e ter a "certeza" de ser "odiada" por você.
Mas como na vida aquilo que tem que acontecer, simplesmente acontece, consegui mudar seu sentimento ou na verdade descubri o seu verdadeiro sentimento,totalmente contrário ao que imaginavamos.
Estava sentada no computador ao lado de uma amiga (na verdade uma irmã) e ela me dizia : -Fala a verade! É sempre melhor, se ele gostar de voc ele vai falar e se não gostar, pelo menos fica sabendo que você gosta dele! E o medo de você não gostar de mim era tão grande que decidi te enrolar!
E derepente acabei descubrindo que você gostava de mim *-* foi um momento inesplicável e tudo o que eu qria nesse momento era estar ao seu lado.
Voltei pra casa e no dia seguinte te encontrei... na verdade nos vimos quase a semana toda e nem um de nós dois tinha coragem de chegar e conquistar o beijo tão esperado.
Sexta fera no curso de teatro estavamos tão envolvidos que quase nos beijamos no meio do curso mas veio o alerta do professor: "não é pra beijar aqui não viu?!!" Se até ele percebeu como é que ainda tentavamos esconder? Era quase impossivel! E no momento da despedida a unica coisa que pude ouvir :''se você fosse pra sua casa eu iria ficar com você!! '' o seu abraço apertado e aquele seu cheiro é tudo o que eu consigo lembrar! Sem mais!
E agora só consigo imaginar o momento em que nossos lábios vão se tocar!
E no fim demorei mas percebi, que na verdade 'Eu te Amo!'



By.:Gabi Mello..

Nenhum comentário:

Postar um comentário